101 | Ong
401
page-template,page-template-full_width,page-template-full_width-php,page,page-id-401,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,qode_grid_1300,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-11.2,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.2.1,vc_responsive

Somos uma ONG

Que abriga e cuida de animais abandonados ou em situação de risco da região metropolitana de Porto Alegre, à espera de quem os adote e acolha como parte da família.

O que faz a Associação 101 Viralatas?

A nossa ordem é: abrigar, cuidar e encontrar uma família para nossos anjinhos. Mas, para que esse ciclo se complete e possamos ajudá-los, precisamos, nós mesmos, de ajuda. Temos uma população de mais de 500 animais, entre cães, gatos e cavalos. Essa galerinha precisa de casa, comida, remédios e carinho. Isso significa muitos canis, gatis, ração, vacinas, castração e voluntários.

Adote

Quanto menor a população do sítio, maior a chance de darmos conta dos cuidados que eles demandam. Para isso, precisamos que eles sejam adotados. Mas, enquanto não são, fazemos de tudo para que tenham a melhor vida possível à espera de seus futuros lares. Somos poucos, e, às vezes, nós nos vemos em apuros para manter o povinho saudável, e, ao menos, com ração em dia. Com muito amor, força de vontade e algumas dívidas, acabamos conseguindo, mas estamos sempre abrindo mão de patrimônio próprio em prol desses seres tão amados que precisam tanto de nós.

De mãos dadas

Esperamos, de coração, que um dia consigamos mais humanos dispostos, padrinhos, lares, do que amigos abandonados à própria sorte, e que instituições como a nossa, realmente, nunca passem de lares de passagem, onde os melhores amigos, os de quatro patas e os de duas pernas, tenham chance de se encontrar.

Nossa história

A ONG E SEUS FUNDADORES

O ínicio

É impossível falar da 101 Viralatas sem falar de sua fundadora, Aline Orestes Vieira. Sua história é costurada com muito amor pelos bichos e lutas constantes, o que resultou na associação como ela é hoje. Aline, ao mesmo tempo que cresceu rodeada de bichos, percebeu que a realidade ao redor não era das mais gentis com seus amigos. Desde cedo, presenciou maus tratos, abandonos e descaso, e sempre tentou achar soluções para os que passavam pelo seu caminho.

A FAMÍLIA 101 VIRALATAS

Seu desenrolar

A associação foi constituída há 09 anos porém, a estrutura que abriga hoje a 101 Viralatas nasceu bem antes disso, há mais de 12 anos. Quando falamos em Família 101 Viralatas, é porque realmente somos uma família. Convidamos você para conhecer essa imensa família, que é diferente de qualquer outra que você conheça.

A ONG HOJE

Atualmente

Hoje, a ONG 101 Viralatas abriga em torno de 300 animais, entre cães e gatos que foram resgatados de situação de risco ou abandonados à própria sorte. Chegam a ser dezenas de casos mensalmente, principalmente nos meses de veraneio, quando as pessoas vão viajar e querem esquecer das responsabilidades de se ter um peludinho.

NOSSO TRABALHO

Nossa rotina

A rotina no sítio é pesada, mas não é só isso: há nossa imensa comunidade nas redes sociais (em especial no Facebook, onde temos mais de 230 mil seguidores) que deve ser atualizada, diariamente, com pedidos de ajuda, animais que estão para adoção e outros. Mantemos também a lojinha da 101 Viralatas, que produz materiais institucionais para venda, e cuja verba é revertida às necessidades dos peludos. Além disso, realizamos uma série de eventos e brechós beneficentes em prol do abrigo.

Parceiros

Parcerias

Acreditamos que juntos, somos mais fortes, e estamos sempre em busca de empresas para firmar parcerias e somar forças para a manutenção do nosso trabalho solidário! Clínicas veterinárias, pet shops e quaisquer tipos de negócios que possam doar produtos ou serviços para a ONG (ou repassar um percentual das suas vendas para ajudar nossos peludinhos) são super bem-vindos!

Ao ajudar, além da divulgação na nossa fanpage no Facebook – hoje com mais de 230 mil fãs –, a sua marca ganha em reconhecimento e responsabilidade social.
Envie e-mail para [email protected] e conversaremos sobre uma parceria que favoreça os dois lados!